pt

Notícias

Vacina contra Covid-19 começa a ser testada em humanos

A Universidade de Oxford, iniciou os primeiros testes da vacina ChAdOx1 nCoV-19 em voluntários. Nesta primeira fase de testes, a universidade conta com uma amostra de 1100 voluntários saudáveis, em que metade foi vacinado com esta nova vacina e aos restantes foi-lhes administrada uma vacina contra a meningite.

 

“A fórmula desta nova vacina é baseada na vacina utilizada em chimpanzés para a prevenir a contaminação pelo adenovírus ChAdOx1. De acordo com os cientistas, a glicoproteína spike do novo coronavírus foi adicionada ao material genético de uma versão enfraquecida do microrganismo. O intuito da equipe é promover uma resposta imune do corpo a essa proteína, criando anticorpos capazes de proteger quem foi vacinado de ser infectado pelo Sars-Cov-2”.

 

Os voluntários terão um diário electrónico para registar se tiveram algum efeito secundário até 7 dias após a administração da vacina e serão monitorizados por um período de 3 semanas com deslocação até à universidade de Oxford, para realizarem recolhas de sangue e serem avaliados por especialistas.  

 

A vacina está a ser administrada apenas nas regiões em que a propagação do vírus ainda está em evolução, só desta forma é que os resultados deste estudo podem ser conclusivos. É necessário que pelo menos alguns voluntários estejam expostos ao vírus (de forma natural) para testar a sua eficácia na proteção contra ao vírus.  

08/05/2020

Tem dúvidas ou questões?

 

Deixe-nos aqui a sua mensagem ou peça para ser contactado.

Este site utiliza cookies, para uma melhor navegação. Ao continuar a navegar estará a acentar a sua utilização. Saber Mais